[ editar artigo]

Venda nos shoppings deve crescer 58%.

Venda nos shoppings deve crescer 58%.

O setor de shopping - um dos mais afetados pela pandemia - está passando por uma recuperação gradual, com melhora das vendas à medida em que as restrições para funcionamento do comércio são levantadas. Ainda pairam muitas incertezas no ar, mas o ano de 2021 já deve ser bem melhor que 2020, auge da crise para os lojistas. A Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) prevê que as vendas do setor totalizarão R$ 204 bilhões em 2021. Se confirmada, a projeção representará um crescimento de 58,3% em relação a 2020, mas, ainda assim, terão uma queda de 3,5% na comparação com 2019.

Os consumidores estão voltando a frequentar os shoppings tanto para passeio quanto para compra de produtos e serviços a despeito a popularização do comércio eletrônico. A situação é vista em todas as regiões, de modo generalizado.

Neste mês de agosto, as vendas totais do setor já estão 0,5% acima do verificado no mesmo período de 2019. Segundo o executivo, é a primeira vez desde o começo da crise sanitária que os negócios operam em alta. Por mais de um ano e meio de pandemia as vendas ficaram abaixo dos níveis normais. Voltaram 11 anos em termos de faturamento. Mas agora os shoppings estão reduzindo essas perdas.

Saiba mais em https://revistapegn.globo.com/Banco-de-ideias/Varejo/noticia/2021/08/venda-nos-shoppings-deve-crescer-58-ante-2020-e-cair-35-ante-2019-diz-abrasce.html

Mulheres que Decidem
Ler conteúdo completo
Indicados para você